O que é energia solar fotovoltaica?

Você já deve ter ouvido falar sobre energia solar, mas não deve saber que existem diferentes formas de produzi-la. A energia solar fotovoltaica é produzida a partir da luz solar mesmo em dias nublados ou de chuva. Ela é gerada por placas solares que captam a luz do sol transformando-a em energia elétrica. Por isso, para uma maior produção é necessária mais radiação solar.

Para saber tudo sobre esse tipo de energia, como ela é produzida e como ela funciona, elaboramos um artigo completo e que vai sanar as suas dúvidas. Confira abaixo:

O que é energia solar fotovoltaica

A fonte usada para a produção da energia solar fotovoltaica e a luz do sol. Por isso, temos a geração de uma energia limpa, renovável e sustentável.

O termo “foto” é originário do grego (Phos) que significa luz e o “volt” é uma unidade de força eletro-motriz dado em homenagem ao inventor da pilha, o físico italiano Alessandro Volta. Juntos formam a palavra fotovoltaica que tem sido usada desde 1849 para determinar esse tipo de energia.

A produção é feita por meio de placas solares instaladas em grandes usinas solares ou em projetos residenciais, ou comerciais. Essas placas, captam a luz do sol durante o dia e por meio do efeito fotovoltaico a transformam em energia elétrica. Tudo o que for produzido pode ser usado para abastecer o consumo elétrico de uma casa ou em empresa.

Sua tecnologia e eficiência é comprovada há mais de 30 anos, sendo uma alternativa essencial para a produção de energia aproveitando ao máximo os recursos e fontes energéticas disponíveis.

Como funciona energia solar fotovoltaica

A energia solar fotovoltaica funciona por meio do efeito fotovoltaico o que a difere de outros tipos de energia solar, como a térmica e a heliotérmica, por exemplo.

A eletricidade é gerada com painéis solares que captam a luz do sol convertendo-a de uma corrente contínua para uma corrente alternada usando o inversor solar. Assim, a eletricidade é distribuída e o que não for utilizado pode gerar créditos ou ser armazenado.

A energia solar fotovoltaica funciona por meio do efeito fotovoltaico o que a difere de outros tipos de energia solar, como a térmica e a heliotérmica, por exemplo.

A eletricidade é gerada com painéis solares que captam a luz do sol convertendo-a de uma corrente contínua para uma corrente alternada usando o inversor solar. Assim, a eletricidade é distribuída e o que não for utilizado pode gerar créditos ou ser armazenado.

Tipos de energia solar fotovoltaica

Existem 3 tipos de funcionamento da energia solar fotovoltaica e que variam conforme o modelo do sistema que for instalado.

O primeiro é o sistema solar conectado à rede (on-grid) que opera com a inserção de energia diretamente na rede.

Já o sistema fotovoltaico isolado ou autônomo (off-grid) funciona usando baterias que armazenam a eletricidade.

E o sistema de energia solar híbrido realiza as duas operações ao mesmo tempo, tendo um trabalho conectado à rede e carregando o banco de baterias.

Composição de um sistema de energia solar fotovoltaico

Esse sistema é composto principalmente pelas placas solares e o inversor solar ou interativo.

Módulo Fotovoltaico

O módulo fotovoltaico é o responsável por produzir a energia elétrica fotovoltaica. É instalado sobre o telhado e conectado a outros painéis que são ligados ao inversor solar.

Ele é composto por muitas células solares, que é a unidade mínima da tecnologia e realizam a conversão direta da luz do sol em eletricidade.

As células solares são feitas de materiais semicondutores e são produzidas com uma camada positiva, com falta de elétrons e uma negativa, com excesso de elétrons. Quando juntas, criam um campo elétrico, como uma bateria.

A eletricidade é gerada quando os fótons atingem uma célula solar e a fazem liberar os elétrons em excesso dos átomos da camada negativa que passam para a camada positiva, assim o circuito elétrico é criado e fluem.

Quanto mais módulos solares forem instalados, mais energia será produzida!

Inversor Solar – O cérebro do sistema

O inversor solar é quem irá converter a energia solar dos painéis fotovoltaicos de corrente contínua (CC) para corrente elétrica alternada (CA), ou seja, é o responsável por fazer com que a energia solar se torne própria para ser usada em sua casa ou empresa, ligando aparelhos e equipamentos elétricos.

Além de realizarem a conversão, os inversores também fornecem proteção contra falhas elétricas e produzem estatísticas que revelam a produção de energia e o rastreamento do ponto máximo de potência.

E, talvez a função mais importante do inversor, seja a troca de energia gerada com a rede elétrica. Contribuindo para o equilíbrio da produção em momentos de maior geração ou quando anoitece e não há sol e você ainda precisa contar com energia. Então, ele faz as trocas dessa energia entre sistema e rede, injetando o excedente ou retirando em momentos que sistema não consegue suprir o consumo.

Distribuição da energia na residência ou empresa

Ao sair do inversor solar, a energia vai direto para o quadro de luz que realiza a distribuição para os equipamentos que precisar de corrente elétrica para funcionar. A maior vantagem dessa produção é que não há custo adicional de consumo, já que você está usando o que está produzindo, dessa forma, ocorrerá uma redução de energia comprada da distribuidora.

Uma nota importante de lembrar é que cada local do país e distribuidora de energia conta com regras e exigências próprias para conectar o sistema de energia fotovoltaica na rede elétrica. Então, solicite essas informações quando for fazer o orçamento do seu sistema!

O que fazer com o excesso de energia produzida?

Com a instalação do sistema solar fotovoltaico, o seu relógio de energia é substituído por um relógio bidirecional que mede a entrada e a saída de energia. Ele é o responsável por medir a energia da rua que é consumida quando não há sol. Além disso, a energia que está sendo gerada pelo seu sistema, a que sobra quando a produção é maior que o consumo e é injetada na rede distribuidora.

Toda energia solar que vai para rede se transforma em créditos de energia que são medidos em kWh (quilowatt-hora). A cada kWh gerado em excesso pelo seu sistema, você ganha um crédito de kWh para ser consumidos nos próximos 60 meses. Se durante o mês for injetado na rede mais energia do que consumido, você economizará na conta de luz!

A energia solar fotovoltaica é o futuro da energia elétrica e conta com uma produção limpa e renovável. Se ainda ficou alguma dúvida, é só deixar seu comentário para podermos conversar mais.

Conheça os serviços e os planos da Invicto Solar clicando aqui!

Share:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

On Key

Related Posts

O que é energia solar fotovoltaica?

Você já deve ter ouvido falar sobre energia solar, mas não deve saber que existem diferentes formas de produzi-la. A energia solar fotovoltaica é produzida

Faça um Pré-Cadastro

Faça seu pré-cadastro rápido e fácil, nossa equipe comercial irá entrar em contato.